Buscar

Tudo o que você precisa saber sobre o famoso MINDFULNESS


Hoje existem dezenas de técnicas sobre meditação. O bacana é você experimentar algumas e

perceber qual flui melhor para você, porque existem pessoas e pessoas, cada um vai se identificar

mais ou menos com determinados estilos.

Vale lembrar que quando meditamos, adquirimos benefícios de curto, médio e longo prazo, no

campo mental, emocional, energético e físico.


Vamos falar hoje sobre a prática que está super em alta que é o MindFulness ou Atenção Plena. Nesta prática você pode estar em qualquer lugar, de olhos abertos ou fechados, fazendo qualquer atividade mental ou corporal, a diferença está em fazer no automático ou de forma CONSCIENTE.


Você sabia que há pesquisas onde estima-se que mais de 85% do nosso comportamento funciona no piloto automático? E essa parte automática é justamente a maior parte da nossa mente, porque a parte que corresponde a mente consciente é apenas 12,34% e todo o restante está no subconsciente, onde está armazenado tudo, traumas, medos, crenças, padrões de comportamento, padrão emocional etc, isso ocorre porque as redes neurais estão por trás de todos os nossos hábitos. 


Esses sinais cerebrais do nosso padrão armazenado são tão eficientes que muitas vezes, nos fazem agir de maneiras antigas, através de comportamentos muitas vezes ruins e desalinhados com o que realmente queríamos e queremos.

Você pode estar se perguntando: “Como se aprende o mindfulness?” A resposta é: praticando.


gif

No estilo mindfulness, a meditação de atenção plena, estamos desenvolvendo mais poder de foco ao prestar atenção conscientemente à respiração enquanto ela entra e sai, e perceber quando a mente se desvia dessa tarefa. Use a respiração como uma âncora do presente. Essa prática de retornar à respiração a cada momento desenvolve cada vez mais seu poder de foco e atenção.


Quando realizamos e prestamos atenção à nossa respiração, estamos aprendendo na prática a retornar e permanecer no momento presente, no agora, tirando sua mente do passado ou do futuro, que é onde o EGO adoro ficar... Assim nos ancoramos com presença, potencializamos nosso magnetismo pessoal, intuição, poder de escolha consciente, desenvolvendo também a habilidade de agir sem impulsividade ou reatividade tóxica. Isso ocorre porque conseguimos identificar melhor a presença do ego em nós e fazermos escolhas mais elevadas através do Ser, da nossa essência, e menos egóicas.


Praticar o mindfulness ao dirigir, por exemplo, fará você se estressar muuuuito menos com o trânsito, com as pessoas, e o mais engraçado é que ao observar as pessoas com neutralidade, você consegue sentir quem está ligado no “piloto automático” e quem está presente no agora. Mas vale praticar sempre que possível, seja tomando banho, trabalhando, comendo, fazendo compras, namorando etc.


A prática melhora com o tempo, comece todos os dias fazendo um pouquinho, acione um cronômetro se preferir e vá aumentando o tempo aos poucos, você vai perceber a sua evolução com o passar dos dias, ficando cada vez mais fácil estar presente entre uma respiração e outra.


Sugiro também que coloque o despertador em algum horário como lembrete para evitar cair no esquecimento, porque essa prática só trará benefícios maravilhosos para sua vida, como por exemplo:


- Redução de estresse

- Redução de neuroses na mente

- Aumento do foco

- Aumento da disciplina

- Aumento da oxigenação nas células do seu corpo, o que faz a sua saúde física também se fortalecer.

Espero que tenham gostado!


Deixo aqui o convite para quem quiser experimentar a meditação guiada, realizo no Instagram @brunacoutinhooficial toda terça-feira às 21h.


Gratidão, preenche o meu coração!

Bruna Coutinho

Mentora e Terapeuta Quântica/Multidimensional, Thetahealer, Reikiana, Instrutora de Meditação e Professora Internacional de Yoga 200h.